Pesquise neste Blog

domingo, 28 de junho de 2009

O Olygarcha do Ceará: a Chronica de um Despota - Accioly Etc Frota Pessoa. Oligarquia Acyolina. Acioli. Maçonaria . Política. História. Brasil.




O Olygarcha do Ceará: a Chronica de um Despota - Accioly - aciolismo - aciolistas, Etc

Frota Pessoa

editora: Typographia do Commercio

ano: 1910

descrição: livro em bom estado, encadernado em capa dura, manteve-se a capa brochura original, iv, 248 p. uma preciosidade brasilianista. escasso, aproveite, saiba mais..;

o trabalho é uma descrição detalhada do dominio aciolista ( dos Aciolli) sobre a magistratura, empregos e governo local.


Oligarquia Acyolina.

reunião de representações, dados, fatos, entrevistas, etc., contra Antonio Pinto Nogueira Acioli, o oligarca mais representativo do Nordeste brasileiro. Tendo subido ao governo do Ceará em 1896, ele a domina até 1912, voltando enfraquecido ao poder em 1914, depois da queda de Franco Rabelo.
O livro reúne dados e provas sobre subsidios que Acioli recebe do Senado Federal, em 1896, porque já assumira o cargo de presidente do estado; negociata da compra de cinco pontes metalicas na França; mudança da Constituição estadual em 1905, para permitir sua reeleição em 1908; artigos e entrevistas em que ataca Acioli. Foi escrito e publicado de 1908 a dezembro de 1910.


competindo pela hegemonia do poder no Ceará, utilizando a propaganda política como o principal campo de batalha. No começo do século XX a cidade entrará em novo período de instabilidade, com a deposição da oligarquia dominante em Fortaleza na época: os Accioly.

Oligarquia Accioly A formação das oligarquias fortalezenses durante o século XIX culminou com a ascensão da família Accioly no comando dos rumos da província do Ceará. O grupo acciolino era formado por ricos proprietários do interior, famílias políticas de Fortaleza e membros da ordem dos...

Esta oligarquia governou o Ceará por quase vinte anos, de 1896 a 1912, encabeçada por Antônio Pinto Nogueira Accioly, um homem desonesto e astucioso. Durante o período em que estiveram no poder roubaram dinheiro dos cofres públicos, fraudaram eleições a valer, desviaram dinheiro superfaturando obras que não convinham à necessidade da população, mataram, violentaram e expulsaram do Ceará qualquer adversário político ou pessoa que dissesse qualquer coisa contra a oligarquia.

Seu poder no Ceará chegou a tal nível que no apogeu os Accioly já não se preocupavam em esconder as suas violências e não davam conta dos documentos das transações públicas.

Ordens, infiltradas, mesmo possuindo altos graus, não conseguiram fazer muito contra a oligarquia acciolina no interior do estado, mas apenas em ....

O sertão cearense permaneceu muitos anos sob controle dos chefes políticos aliados à oligarquia da capital. Depois de muitos anos sob o jugo da oligarquia, a população estava cada vez mais revoltada com as injustiças. Os adversários de Accioly, entre estes alguns membros dos ... resolveram lançar a candidatura do Coronel Franco Rabelo para Presidente do Estado nas eleições de 1912. Os cearenses viam nele uma esperança de libertação, uma libertação mais abrangente...


livro em bom estado, brochura, saiba mais.Temos condição de conseguir muitos outros títulos sobre o assunto. Diga-nos quais você precisa e lhe daremos a resposta.

Temos um vasto acervo sobre essa bibliografia temática.

Envio em até 24 horas após a confirmação de pagamento com confirmação via e-mail e número de postagem para acompanhamento da entrega.

Toda postagem pode ser rastreada pelo site dos Correios.

Todos os pedidos são enviados com seguro.

CASO HAJA INTERESSE NESSE LIVRO OU EM NOSSO SERVIÇO, ENVIE UM E-MAIL PARA

philolibrorum@yahoo.com.br



Esta Página visa contribuir, com a localização de livros escassos, aos estudiosos das diversas ciências e áreas de estudo ou mesmo hobbies. Sobretudo as publicações já fora de comércio, antigas, esgotadas. Vendemos via Mercadolivre. Visite alguns de nossos livros anunciados em nosso e-shop, em: http://eshops.mercadolivre.com.br/philolibrorum







.

Nenhum comentário:

Postar um comentário